Como fazer um jardim de inverno

Os jardins de inverno, também conhecidos como jardins internos, são indicados para quem busca mais contato com a natureza. Além de exibirem beleza, oferecem maior qualidade de vida e bem-estar. E não se preocupe com espaço, pois uma das características desse tipo de jardim é a versatilidade – no post de hoje, trouxemos dicas de como fazer seu jardim de inverno, mesmo em casas ou apartamentos pequenos.

O local apropriado

A escolha do lugar onde você vai montar o jardim interno é muito importante, pois existem alguns fatores que devem ser considerados: a luz e o calor que o ambiente recebe – já que isso influencia diretamente no cultivo das plantas. A dica é optar por locais com bastante claridade e com baixa incidência solar na área onde a vegetação vai estar. As opções de ambientes para criar um jardim de inverno são diversas: sacadas de apartamento, corredores, halls de entrada, lavabos, espaços de convivência, como livings ou lounges.

Escolha as plantas de acordo com o local

Na hora de escolher as plantas, opte pelas espécies que vão sobreviver na área escolhida para o jardim. Existem aquelas que vivem em pleno sol, ou seja, requerem incidência solar direta durante algumas horas do dia. Já as espécies de meia-sombra precisam receber a luz do sol no período da manhã e no fim da tarde. E para as plantas que vivem na sombra, é necessária luminosidade indireta.

Apesar de não exigir muitos cuidados, plantas para jardins de inverno também demandam atenção. Portanto, pesquise sobre as regras de adubação de cada espécie.

Como decorar o jardim de inverno

Os jardins de inverno pedem por decorações naturais, onde as pedras e a madeira se sobressaem. Além disso, o seu jardim interno pode ser um ambiente de relaxamento. Nesse caso, invista em uma decoração escandinava, por exemplo, com tons mais sóbrios, que serão contrastados com o verde da vegetação, trazendo a calmaria que você busca. A ideia é perfeita para varandas fechadas ou livings, onde um sofá ou poltronas são bem-vindos para oferecer conforto, além de uma mesa de centro para itens decorativos. A vegetação fica por conta de plantas pendentes ou vasos com folhagens. Mas os estilos naturais não são obrigatórios. É possível criar jardins de inverno com móveis super modernos. Na Empório Vila Rica, você encontra diversos modelos de estofados e outros itens decorativos. Acesse o site e confira!

Ressignificação da mobília no cenário atual

Por Deivid De Almeida

Designer e coordenador do StúdioJhovini

O comportamento humano e o estilo de vida têm impacto direto no design das coisas e o mobiliário não fica de fora, visto que tem função essencial tanto para servir quanto para adornar, seja no meio corporativo ou residencial.

Um dos ramos mais afetados em decorrência do momento atual é o corporativo que sofreu uma aceleração na modalidade de trabalho chamada home office que outrora era usada de forma esporádica e por que não se dizer subutilizada.

Tal mudança exerce grande influência no ramo da alta decoração fazendo com que aumente a  busca por móveis que atendam a essa demanda como escrivaninhas e cadeiras com conforto e muito design, visto que não estão em um ambiente corporativo, mas sim residencial e precisam integrar-se de forma leve e sutil.

 A busca pelo conforto é outro quesito que foi impulsionado e recebeu tanta relevância que por vezes pesa mais que o próprio design do produto. Tal exigência tem relação com o aumento do tempo que as pessoas estão ficando em casa e com a ressignificação dos lares, ou seja, aquela poltrona que outrora era linda mas com limitada dose de conforto vem sendo substituída por outra que ofereça aconchego para se passar longas horas. Isso muda substancialmente a construção dos produtos e exige que haja uma readequação tanto no design dos produtos quanto no arranjo dos mesmos, sendo assim toda cadeia é afetada, desde o designer até o arquiteto.

Produtos como bancos que pouco apareciam nos ambientes, atualmente tem sofrido um aumento relevante na demanda. Uma das explicações que se dá para tal crescente é o fato dos bancos melhorarem a integração dos ambientes e proporcionar uma visão mais aberta por conta da inexistência de um encosto. A outra explicação tem relação com a versatilidade na ambientação e a praticidade oferecida, além de ser uma proposta para um sentar descontraído e irreverente.

Designer Deivid de Almeida

Deivid de Almeida acredita que a mobília tem, além da função usual, a responsabilidade de expressar a personalidade das pessoas e o seu estilo de vida.

Suas principais inspirações são a arte, a leitura, as formas geométricas e os materiais naturais, tais como couro, madeira e suas combinações aliadas a um bom desenho. Ao longo dos anos na área moveleira já desenvolveu trabalhos em parceria com grandes nomesdo  Design. Entre eles está  RonaldSasson com o qual trabalhou junto por vários anos e contribuiu para o desenvolvimento de produtos premiados do designer, tais como as poltronas Yori, Emme e Madonna.

5 dicas para aquecer a casa no inverno

Quando a estação mais fria do ano dá as caras, acabamos nos tornando mais caseiros. A vontade de permanecer no conforto do sofá ao lado de um bom vinho é inevitável. Para isso, nada melhor do que trazer aconchego ao nosso lar. Sendo assim, vamos dar 5 dicas para aquecer a casa no inverno.

Invista em sofás de couro

Por que o couro? Simples! Porque essa matéria-prima é térmica, ou seja, ela se adapta à temperatura do corpo. E o melhor: os estofados em couro são agradáveis, tanto no inverno como no verão. Assim, você vai ter um sofá de alta qualidade que traz aconchego em qualquer estação. Além disso, os sofás em couro apresentam um visual sofisticado e luxuoso, oferecendo elegância aos ambientes.

Utilize madeira, tanto para o piso quanto para os móveis

Os pisos em madeira são mais quentes. Mas se você não quer fazer obras, invista em tapetes – feitos de lã, chenille ou nylon, para trazer o aconchego que você procura. Para a mobília, a madeira é sempre bem-vinda, pois passa a sensação de conforto e relaxamento.

Complementos em textura felpuda

Os complementos podem fazer a diferença no seu inverno. Mantas, almofadas, tapetes, poltronas e puffs com texturas mais fofas ou felpudas são ótimos para dar aquela sensação de que o ambiente é mais quentinho e confortável.

Inverno é sinônimo de vinho

Os dias frios são perfeitos para você degustar o seu vinho predileto ou conhecer novos rótulos. Então, que tal criar uma adega? Você pode investir em uma cristaleira para guardar as taças e copos ou optar por algo mais básico, como um carro bar – que vai te acompanhar pela casa com a bebida.

Iluminação aconchegante

Como a ideia é criar a sensação de conforto, utilize luzes quentes, como as amareladas, pois favorecem o descanso e tornam o clima mais ameno.É possível usar também luzes indiretas em nichos ou painéis de TV.

Viu como é fácil deixar os ambientes aconchegantes com essas dicas? Acesse o site da Empório Vila Rica e encontre diversos modelos de sofás, poltronas, mesas de jantar e muito mais, para manter sua casa confortável nesse inverno.

Como incluir espelhos na decoração

Além de trazer a sensação de amplitude, os espelhos podem oferecer muito mais: claridade aos ambientes e, claro, ser utilizado como objeto decorativo. Mas o uso não para por aí. Você pode experimentar usá-los em móveis, o que proporciona um toque diferenciado ao décor. Hoje, vamos ver como incluir espelhos na decoração de diferentes maneiras.

O espelho em seu modo tradicional

Utilizar espelhos nas salas de estar e jantar é uma tendência interessante, que busca trazer sofisticação aos ambientes. Os halls de entrada também recebem positivamente essa peça, acima de um aparador, por exemplo.

Nesses ambientes, uma procura constante é o espelho redondo. Isso porque ele serve nas composições, tanto sozinho quanto em conjunto. Há modelos com alça que podem ser incluídos em varandas ou sacadas para refletir uma planta e dar aquela impressão de estar em um local verde natural.

Espelho nos móveis

Se você prefere investir em peças com espelho, é importante escolher o móvel adequado e que combine com o estilo da decoração existente. Peças com espelho costumam harmonizar com composições clássicas ou modernas. Há mesas de centro e aparadores com tampos espelhados que fornecem um ar contemporâneo. Outra dica é mesclar peças espelhadas com madeira, provocando um toque luxuoso ao ambiente.

Como aplicar os espelhos

Antes de escolher o local onde o espelho vai ficar, verifique tudo que vai refletir na peça para não sobrecarregar o ambiente. Inclusive, não é indicado posicionar espelho refletindo espelho. As imagens podem ficar confusas, o que acaba poluindo visualmente o ambiente com as distorções.

Após essas dicas, vai ficar mais fácil incluir espelhos na decoração. Acesse o site do Empório Vila Rica e confira as peças com detalhes espelhados, além dos diversos modelos de espelho disponíveis.

4 cadeiras para o seu home office

O home office se tornou uma realidade. E, por isso, a busca por trazer conforto para dentro de casa é crescente. Há aqueles que já possuem um ambiente próprio para trabalhar em casa. Outros acabam invadindo um espaço da cozinha ou da sala de jantar. Independente do cantinho escolhido para o home office, o importante é que tenha conforto. O artigo de hoje traz 4 modelos de cadeiras que vão te ajudar a trabalhar de maneira mais confortável.

Cadeira Coral

A cadeira Coral apresenta excelente ergonomia, garantindo uma postura ereta. Os braços em madeira ainda oferecem apoio extra. Seu Tecido em linho traz um toque aconchegante. O design moderno e a escolha de tons neutros fazem desta cadeira uma opção flexível, sendo possível combiná-la com diferentes estilos de decoração.

Cadeira Angel

A combinação de cores neutras prevalece neste modelo, o que a torna elegante e moderna. Com base produzida em madeira, a resistência é uma de suas qualidades. O conforto não fica para trás: o assento e encosto são produzidos em tecido, leve e aconchegante.

Cadeira Nina

Em termos de visual, o modelo Nina é parecido com o Angel. A maior diferença é que essa cadeira é giratória – o que traz versatilidade ao produto. O tecido em linho oferece o aconchego que você precisa.

Cadeira Soie

Moderno, o modelo Soie combina diferentes materiais: aço carbono, couro e tecido. O trio cria um visual contemporâneo e sofisticado, com tons neutros que são quebrados com um toque chique dos pés dourados. Além do design que se destaca, o conforto é outro ponto alto dessa cadeira, que vai garantir horas de trabalho confortáveis.

Como fazer uma decoração minimalista

Já ouviu aquela frase “menos é mais”? Esse é o princípio da decoração minimalista – perfeita para quem não gosta de exageros e quer praticar o desapego. Confira algumas dicas para fazer um decór minimalista e entenda o que é o conceito.

A decoração minimalista é formada pelo básico e clean, retirando qualquer excesso, sem deixar de lado a elegância e a funcionalidade. Para criar uma atmosfera nesse estilo, você deve inserir poucas e boas peças, causando um toque forte e simples, ao mesmo tempo.

Cores

Neutro combina com minimalismo. Portanto, opte por tons básicos, como o branco, preto ou cinza. Isso não significa que você não pode utilizar outras cores. Deixe que tons neutros predominem e insira uma cor mais vibrante apenas como ponto focal ou complemento.

Materiais

Quando nos referimos aos materiais, é essencial que sejam de boa qualidade, já que o conforto acaba se tornando um aspecto em destaque em ambientes minimalistas. Madeira, vidro e metal são os principais tipos de materiais utilizados nesse estilo. Resina, cimento e gesso se destacam entre os revestimentos usados. Já para os tecidos, a suavidade é o ponto principal.

Luzes

Em um ambiente minimalista, a luz natural é aproveitada da melhor maneira. Para a luz artificial, invista em luminárias focais em móveis específicos, como mesas, por exemplo. Assim, você destaca a elegância da mobília minimalista.

Organizar é preciso

O estilo minimalista é perfeito para pessoas que gostam de organização. Isso porque cada peça tem seu lugar e sua importância. Os espaços são preenchidos de maneira inteligente, para tornar o ambiente funcional e nada exagerado.

Estilo minimalista e outras decorações

Apesar de o decór minimalista ser bastante único e distinto, ele pode ser combinado com outros estilos de decoração. Detalhes industriais são bem-vindos em ambientes onde o minimalismo predomina. Com os traços urbanos, é possível criar aquele clima de loft. Caminhar por outros estilos, como o clássico, também é viável. A mistura entre simplicidade e glamour pode encontrar o equilíbrio perfeito e assim, oferecer uma composição minimalista com linhas sofisticadas.

No site da Empório Vila Rica, você encontra sofás, poltronas, mesas, cadeiras e muito mais, que se encaixam perfeitamente no estilo minimalista. Cores neutras, linhas elegantes e alta qualidade. Acesse agora e confira!

4 dicas para escolher a cor do sofá

O sofá é o móvel de destaque do ambiente, principalmente nas salas de estar. Muita gente acaba ficando em dúvida na hora de escolher a cor do estofado, já que ele é quem vai chamar a atenção na decoração. No artigo de hoje, separamos 4 dicas para te ajudar com essa tarefa.

Neutralidade: uma aposta certeira

As cores neutras são extremamente versáteis. Branco, off-white, preto, cinza, beges e castanhos. A paleta desses tons é uma ótima opção para formar a base de um ambiente. Em composições que caminham por esse percurso, o sofá de 3 lugares Dullius é uma excelente opção. O modelo Bold também é perfeito para quem busca compor o ambiente com tons sóbrios. A neutralidade das cores é indicada para decorações clássicas, modernas, minimalistas e industriais. Além disso, são bastante flexíveis quando o assunto é combinação. Se você quer praticidade, opte por sofás com tons neutros, como o gelo, cinza ou off-white, já que disfarçam a sujeira.

Cores complementares: a mistura pode dar certo

Tons opostos, como vermelho e verde, azul e laranja, são cores complementares que, combinadas, criam um contraste agradável. Utilizar, por exemplo, tons rosados e esverdeados podem formar uma atmosfera diferente e contemporânea. O sofá Compact é um modelo compatível para criar uma paleta de cores complementares. Você poderia misturar, no mesmo ambiente, o Puff Grissini 10, por exemplo. O recomendado é combinar cores quentes e frias. Você também pode optar pelos sofás em couro – que trazem um aspecto diferente em suas cores.

Considere o tipo do ambiente

Entender qual o clima da área onde o sofá vai ficar é muito importante na hora de escolher a cor. Por exemplo, tons mais fortes e ousados, como o vermelho ou amarelo são recomendados para ambientes sociais, como lounges e salas de visita. Já as cores pasteis sugerem relaxamento e equilíbrio, o que é indicado para áreas mais íntimas, como quartos ou salas reservadas.

A cor da sua personalidade

O ponto principal para escolher a cor do sofá é optar por aquela que siga a decoração já existente. Você pode criar composições com tons diferentes de uma mesma cor ou inserir um ponto focal com um tom mais vibrante, ou ainda utilizar apenas tons frios ou tons quentes. Há diversos caminhos, mas a escolha deve sempre seguir o tom da sua personalidade. Assim, o ambiente vai ficar do jeito que você gosta!

5 dicas para montar o canto da leitura

Os apaixonados por livros vão concordar que ter um cantinho da leitura é essencial para embarcar na história, seja qual for o tipo da narrativa. Para montar o seu canto da leitura, é necessário dar atenção aos seguintes pilares: conforto, iluminação e estilo. O primeiro é baseado pela escolha dos móveis. O segundo, é claro, é sobre o tipo da luz. E o terceiro fica por conta do seu gosto, já que a ideia é transmitir a sua personalidade, ou até mesmo, o caráter dos seus autores preferidos. No artigo de hoje, veja como montar o seu canto da leitura.

Onde fazer o canto da leitura?

O primeiro passo é escolher o local. Ambientes privativos são ideais, pois você vai ter silêncio para se concentrar na leitura. Para quem possui um espaço extra na casa ou um quarto grande, pode utilizar um canto desses cômodos. Em apartamentos pequenos, utilize a sacada para isso. Como é um cantinho, sempre há uma área a ser aproveitada.

Escolha uma poltrona de respeito

Um cantinho da leitura não é o mesmo sem conforto. Para isso, a escolha da poltrona é fundamental. Busque por modelos com encosto e braços. Dê preferência àqueles com assento mais largo. Assim, você vai conseguir ler por horas de maneira confortável e aconchegante. Uma boa opção é a Poltrona Diamante, que apresenta várias camadas de espuma com densidades diferentes, sendo a última em espuma visco elástica para garantir extremo conforto. O design é outro ponto a ser destacado. A concha externa em fibra de vidro com pintura automotiva e as proporções equilibradas fazem desta poltrona uma peça icônica.

Apoio para livros e para o café

Inserir um móvel para os livros no canto da leitura é opcional e vai depender também da área disponível. Invista em uma estante, caso tenha mais espaço no ambiente. Uma mesa lateral também é bem-vinda em cantinhos da leitura, já que você pode usá-la como apoio para uma xícara de café ou taça de vinho.

Luz: fundamental para uma boa leitura

Ter uma boa iluminação é essencial em cantos da leitura. Por isso, na hora de escolher o ambiente, opte por locais que recebam bastante luz natural. Para as leituras noturnas, invista em uma luminária. Dê preferência aos modelos que emitem luz com tom branco-azulado, pois são mais estimulantes do que luzes de cor quente ou amarelada. Analise também o tipo da lâmpada. Opções incandescentes emitem calor. Sendo assim, podem causar desconforto térmico caso fiquem muito próximas a você.

Um cantinho que é a sua cara

As dicas relacionadas ao estilo são muito básicas: decore da maneira que você gosta. Mas lembre-se de não exagerar na quantidade de elementos. Se o seu cantinho da leitura é no seu quarto, siga o tipo de decór do ambiente. É importante que o canto tenha um aspecto convidativo e aconchegante, fazendo com que você queira ficar ali.

Se você não é do time de leitores assíduos e prefere um local para tomar café ou simplesmente relaxar, pode também seguir essas dicas para decorar o seu canto. Apenas altere o tipo da luz – escolha os modelos de cor quente para trazer mais aconchego ao ambiente.

Na Empório Vila Rica, você encontra diversas poltronas e outros móveis para criar o seu cantinho. Confira!

4 móveis para usar na decoração rústica

O decór rústico está ganhando espaço entre os arquitetos, já que pode ser trabalhado muito bem sozinho ou ainda ser mesclado a outros estilos, como industrial, clássico ou moderno. Elementos naturais são a marca forte desse estilo. Tudo que resgata a natureza e a forma de vida mais simples é bem-vindo na decoração rústica. O material mais utilizado em ambientes rústicos é a madeira, já que é um dos principais elementos relacionados à natureza. No artigo de hoje, vamos indicar 4 móveis para usar na decoração rústica.

1. Sofá de 3 lugares com detalhes em couro

Um dos objetivos da decoração rústica é trazer aconchego. Por isso, linho e couro são os revestimentos recomendados na hora de escolher o estofado. O sofá indicado é produzido em linho sintético e possui detalhes em couro. Já a sua base é feita em madeira de eucalipto. Além de ser um móvel resistente, vai trazer conforto e o visual que você quer para uma decoração rústica.

O interessante de utilizar a mobília em madeira é que você pode manter tons claros e neutros nas paredes e ter os móveis como ponto focal para o estilo rústico.

2. Mesa de centro Finn

A madeira prevalece no estilo rústico, por isso, a escolha não poderia ser diferente: o modelo Finn é produzido em madeira maciça de jequitibá e tampo em MDF laminado. Com um design simples, é uma ótima opção para ajudar a compor ambientes naturais. Se você quiser algo mais sofisticado, pode optar por um modelo mais contemporâneo, como a Mesa de Centro Enzo.

3. Poltrona Estofada Tijuca

Essa poltrona se destaca por sua versatilidade, podendo ser incluída em diversos ambientes, como salas de estar, varandas e sacadas, lounges ou até mesmo para complementar áreas gourmet. O design com caráter natural proporciona leveza e o aspecto rústico que se procura.

4.Aparador Nasau

O modelo escolhido caminha entre o rústico e o moderno. O tampo superior em vidro traz a pegada contemporânea ao visual. Mas a estrutura em madeira e formato do tampo inferior preservam o aspecto rústico. Caso você prefira uma peça mais simples, pode optar pelo aparador Finn. Na Empório Vila Rica, você encontra outras inúmeras opções de móveis para decorações rústicas, modernas ou clássicas. Acesse o site e confira!

4 dicas para decorar o hall de entrada

O hall de entrada é o primeiro contato que o convidado tem com a sua casa. É ali que já se identifica a sua personalidade. E já que a primeira impressão é a que fica, vale a pena investir em uma decoração para esse ambiente. Além da imagem, é interessante também trabalhar na funcionalidade deste cômodo. Confira 4 dicas para decorar o hall de entrada.

 Aproveite o espaço

Apesar de, geralmente, ser um espaço mais compacto, é possível aproveitar a área disponível. Para trazer mais amplitude, utilize um espelho. Você pode optar por um modelo grande que ocupe uma das paredes do hall. Ou escolher um espelho menor sobre um aparador ou buffet. Outra dica é investir em móveis que não ocupam muito espaço, até porque a área é de circulação.

O trio de sucesso

A fórmula mais certeira para decorar o hall de entrada é apostar no trio de sucesso: aparador, espelho e pendente. Na hora de escolher as peças, opte por aquelas que conversem com a decoração da sala de estar. Assim, a transição entre os ambientes é feita de maneira sutil. Se quiser deixar o hall mais funcional, pode também incluir um ou dois puffs abaixo do aparador.

Iluminação: fator essencial

A iluminação é fundamental para tornar o hall de entrada perfeito. A luz cria um clima aconchegante e valoriza a decoração do ambiente. Utilize spots com uma iluminação pontual para garantir um efeito acolhedor. Nesse caso, esqueça o pendente. Luz é essencial, mas misturar diferentes tipos de iluminação vai carregar o espaço sem necessidade.

Cores e papel de parede

A cor é outro ponto a ser pensado. Tons neutros caem bem em ambientes menores. Mas isso não quer dizer que você não possa ousar. Cores fortes também podem tornar o seu hall de entrada um espaço diferente e moderno. Aqui é uma questão de bom senso e gosto! Papeis de parede são bem-vindos em halls de entrada. Muitas vezes, eles podem ser a chave que faltava para criar um hall impecável. Na hora de escolher o tipo, procure por um papel de parede que combine com a decoração da sala e com a imagem que você quer passar.

Viu como é fácil decorar o hall de entrada? E fica ainda mais fácil com o leque de móveis que a Empório Vila Rica oferece para você. Acesse o site e compre agora!